domingo, 8 de janeiro de 2017

* Paço Imperial


(de férias no Rio de Janeiro)



Foi construído em 1743 para a Casa dos Vices-Reis do Brasil.

Paço Imperial




Tombado pelo IPHAN - Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, em 1938.
Atualmente é um Centro Cultural.
Piso original
Chão de pedra.
Pátios internos.
Com uma portada em pedra de lioz (tipo raro de calcário).
Aqui são realizadas exposições temporárias, exposições permanentes, eventos culturais concertos musicais clássicos e populares, além de uma biblioteca e salas para palestras.

As exposições de hoje são Marina Saleme, Ana Muglia e Daisy Xavier (a que mais gostei!!)

Daisy Xavier

Móveis ou inteiros os despedaçados se equilibram sobre copos, taças, vasos de vidro.

Gostei!!

Casa da Moeda
Durante a restauração do Paço Imperial, neste local foram encontrados vestígios da instalação de fornos e da chaminé da Casa da Moeda.
Fundição construída em 1698 para processar o ouro vindo das Minas Gerais.

Sala dos Archeiros
Conhecido também com Pátio dos Arqueiros.
Originalmente era um pátio aberto.
A clarabóia e a decoração atual é original de 1840.
Foi no Paço que em 1822 D. Pedro I decidiu ficar no Brasil, o famoso Dia do Fico.

Também em uma dessas salas a Princesa Isabel assinou a Lei Áurea, libertando os escravos.

O Paço Imperial foi ainda o primeiro local fotografado na América Latina.
Em 1840 foi feita a primeira fotografia do Brasil mostrando o Paço Imperial.

E hoje, 08 de janeiro de 2017, o Paço Imperial mais uma vez foi visitado por mim!

BannerFans.com