terça-feira, 2 de julho de 2013

* Casa França Brasil

(Férias no Rio de Janeiro)

Este prédio é primeiro registro do estilo neoclássico no Rio de Janeiro.
Foi encomendado em 1819 por Dom João VI.

O prédio já foi usado como Alfândega, como depósito de arquivos de banco, como sede do Tribunal de Júri e em 1938 foi tombado pelo Departamento do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional - atual IPHAN.
O prédio sofreu muito com o abandono em péssimo estado de conservação, precisando de reformas para não ir abaixo.

Em 1990 foi inaugurada a

Casa França-Brasil

Em 2008 sofreu mais uma transformação e em 2009, o Ano da França no Brasil foi inaugurado o Centro Cultural


O prédio é composto de Salão Central, Salas Laterais, o antigo cofre, e o Pátio. Além da Sala de Leitura, Bistrô e o Lounge.

Salão Principal



Onde no momento acontece a exposição Escadas, de Carmela Gross.















56 lâmpadas fluorescentes em tripés e estruturas metálicas.




Sala Lateral

Em uma das salas acontece a exposição Répteis, de Carmela Gross.


São 334 peças de latão fundido banhadas em níquel.


Cofre

Exibição do vídeo Quase Nada (2008), de Marcelo Cidade, um artista convidado por Carmela Gross para ocupar o espaço do antigo cofre.


Pátio

Com a vista para a Igreja da Candelária.

Sala de Leitura

























Das 24 colunas de estilo dórico, 14 receberam tratamento de concreto mantendo a mesma aparência externa.


E pra fechar o post com chave de ouro,
O piso!!!!

Quem anda aqui pelo blog sabe que eu adoro um chão! E olha estes!!!
Tentei saber algo sobre eles, o significado, mas não achei nada. Mas vale o visual!!




E aí??
É ou não é um piso fabuloso???

BannerFans.com